sábado, 19 de setembro de 2020

No Vale do Piancó: Polícia troca tiros com assaltantes de banco em Coremas e o dinheiro é recuperado; assaltantes estavam entricheirados entre as cidades de Emas e Catingueira

D
esde as primeiras horas deste sábado (19), o 'Grupamento Especializado de Operações em Área de Caatinga (GEOsAC)', realizava buscas  para capturar os homens que assaltaram a agência do Banco do Brasil na cidade de Coremas, na última quinta-feira (17), um dia antes da visita do presidente Jair Bolsonaro aquela cidade. Várias guarnições e até helicóptero tomaram conta das divisas entre os municípios de Coremas, Piancó, Catingueira, Emas e Olho Dágua. Ao localizar os assaltantes, na zona rural entre as cidades de Emas e Catingueira, houve um confronto entre a PM e os suspeitos. Com o comando aéreo do Helicóptero Acauã da PM, os policiais que estavam em terra, eram conduzidos e orientados até chegar bem perto de cerca de 07 (sete) homens que se encontravam entrincheirados na mata. Durante o confronto, que durou cerca de duas horas, os policiais conseguiram controlar a situação e ao se aproximar, encontraram seis corpos crivado de balas na troca de tiros, sendo que 01 conseguiu foragir-se do local. Muitas armas de fogo foram encontradas no local e os malotes de dinheiro, fruto do assalto. Quatro fuzis, um revólver, três pistolas, duas espingardas, e grande quantidade de explosivos, estavam com o bando.

Após todo o confronto, a PM recolheu os corpos dos assaltantes e trasnportaram para a cidade de Patos, onde no Hospital Regional Dep. Janduhy Carneiro, foram socorridos. Os policiais envolvidos na ação militar, nenhum saiu ferido.

As últimas informações, por volta das 14:00h desse sábado (19) é a de que ao chegar no hospital, alguns já estavam sem vida. 

A imprensa regional aguarda Nota do Comando da PM sobre o episódio.

oblogdepianco.com.br