quarta-feira, 10 de junho de 2020

Em Itaporanga, homem de 30 anos é vítima de tiros e seu quadro clínico é gravíssimo

Por Redação da Folha 

(Imagem/reprodução)
A tentativa de homicídio ocorreu na tarde dessa terça-feira, 9, nas proximidades de uma quadra esportiva do conjunto Chagas Soares. Anderson Aguiar do Nascimento, conhecido como Orelinha, de 30 anos, foi alvejado por vários disparos, um dos quis atingiram um dos seus olhos. Socorrido pelo SAMU, o homem foi levado ao hospital da cidade e, depois, transferido para Campina Grande em função da gravidade das lesões. Seu quadro clínico é gravíssimo. 

O autor dos disparos ainda não foi identificado. Anderson Aguiar já cumpriu prisão provisória e pena por vários delitos, entre os quais furto, roubos e tráfico de drogas, e estava no regime semiaberto. Ele era solteiro e residia com a mãe no próprio conjunto. 

De acordo com as primeiras informações apuradas pela Polícia Civil, a vítima estava em casa, quando teria recebido uma ligação telefônica de alguém que pedia para que ele fosse ao local onde terminou sendo baleado.