segunda-feira, 12 de julho de 2021

Operação Máchi prende 8 envolvidos em ataques a bancos, tráfico, roubos de gado e lavagem de dinheiro

As Polícias Militar, Civil, Rodoviária Federal e o Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba desarticularam uma quadrilha interestadual que tem atuação em crimes contra agências bancárias, tráfico de drogas, roubos de gado e lavagem de dinheiro em vários Estados. Oito integrantes do bando foram presos, no sábado (10) e no domingo (11), em uma propriedade localizada na cidade de Jaduís, no estado do Rio Grande do Norte. Eles estavam em um local que era usado como esconderijo após os crimes e também para cultivar maconha.

Os policiais paraibanos, que são do Comando de Policiamento Regional II (Patos) e da 3ª Superintendência Regional de Polícia Civil, chegaram até a quadrilha após um trabalho integrado das Forças de Segurança. Os presos são dos Estados da Paraíba, Bahia e Distrito Federal

Na propriedade onde eles foram presos com armas e drogas, foi localizada uma plantação com 100 mil mudas de maconha para cultivo. No local, tinha acampamento e alimentos para o bando. Foram recolhidas drogas para a perícia e o material utilizado para o cultivo foi destruído.

Atuação em diversos crimes – A organização criminosa objetivava adquirir muito dinheiro e para isso expandiu a atuação para crimes contra agências bancárias da Paraíba e do Rio Grande do Norte. Eles estariam planejando para os próximos dias um assalto a um banco da Paraíba.

A segurança do grupo era feito por um policial militar do Distrito Federal, que também foi preso na operação. Ele veio para a Paraíba para atuar com a quadrilha.
A Operação Máchi, que significa no grego “combate”, deve continuar, mesmo com as oito prisões deste fim de semana.

oblogdepianco.com.br com PMPB