quinta-feira, 20 de maio de 2021

Pastor que matou ex a facadas postou mensagem antes da separação: 'Meu casamento está blindado por Deus'

(Humberto matou Nadja a facadas/Reprodução/TV Globo)

O homem preso em flagrante por matar a ex-mulher com facada no pescoço, na quarta-feira (19), na Rua Araticum, no Anil, na Zona Oeste do Rio, postou uma mensagem pouco antes da separação do casal. "Meu casamento está blindado por Deus", escreveu o pastor Humberto Gonçalves Trindade, de 47 anos, numa rede social.

Segundo os vizinhos, Humberto não aceitava o fim da separação. Nadja Trindade, que também era pastora, deixou seis filhos. De acordo com a Polícia Militar, o suspeito confessou o crime e já tinha anotação criminal por violência doméstica na Delegacia de Atendimento à Mulher (Deam) de Jacarepaguá.

Ainda segundo a polícia, os agentes do 18º BPM (Jacarepaguá) receberam denúncia de que o autor do crime ainda estaria nas proximidades. Após uma ação de buscas, os PMs localizaram o homem na Estrada de Jacarepaguá e apreenderam uma faca.
Vizinhos contam que Humberto foi expulso da região por milicianos porque era violento com Nadja. Ele estava morando em São Paulo, mas voltou a procurar a vítima no dia do crime.

A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Homicídios, onde o caso está sendo investigado.

 O DIA