segunda-feira, 11 de maio de 2020

Em Patos, 11 novos casos de detentos infectados pelo novo Coronavírus

O Presídio Romero Nóbrega, em Patos, no Sertão da Paraíba, voltou a apresentar novos casos de detentos infectados pelo novo coronavírus no domingo (10). Onze homens que cumprem pena na unidade foram submetidos a testes rápidos e identificados com a Covid-19. A informação foi confirmada pela Vigilância Epidemiológica Municipal. No dia 25 de abril, os três primeiros casos foram confirmados, sendo um policial penal e dois detentos.

A situação da unidade prisional está sendo acompanhada diariamente pela Comissão de Direito Criminal da subseção de Patos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). O advogado Corsino Peixoto confirmou a testagem realizada neste domingo e disse que, ao todo, já são 15 casos confirmados da doença no Presídio Romero Nóbrega. Segundo o jurista, a entidade encaminhará nos próximos dias, solicitações para que os detentos passem a cumprir prisão domiciliar, com o uso de tornozeleira eletrônica, durante o período de quarentena e tratamento.

Os dois primeiros detentos da unidade que foram confirmados com a doença, no final de abril deste ano, foram transferidos para a Penitenciária de Segurança Média Hitler Cantalice, em João Pessoa.

A intensificação na testagem dos detentos veio após uma recomendação feita pela Defensoria Pública do Estado, à Secretaria de Administração Penitenciária da Paraíba, para que testes fossem realizados em todas as pessoas que estão nas unidades prisionais espalhadas pelo estado.

A Defensoria chegou a solicitar pedidos de prisão domiciliar, na ocasião dos dois primeiros casos confirmados, mas a coordenadora do Núcleo de Atendimento da Defensoria em Patos, Monaliza Montenegro, disse que o juiz da comarca chegou a conceder alguns pedidos, mas depois acabou mudando o precedente dos casos.

Jornal da Paraíba