sexta-feira, 22 de maio de 2020

Com um caso confirmado e um óbito suspeito, Aguiar planeja fechar acessos à cidade

Por Redação da Folha 
Esta semana, o município de Aguiar registrou o seu primeiro caso de covid-19. Trata-se de um morador da cidade que, supostamente, contraiu o vírus de um primo residente em Patos, mas encontra-se em isolamento domiciliar e está bem. Mas, nas últimas 24 horas, uma idosa de 68 anos, moradora rural, que apresentava sintomas da virose pandêmica, teve o seu quadro clínico agravado e veio a óbito. Material biológico foi colhido da paciente e encaminhado para exame, cujo resultado deve sair em dez dias, conforme o prefeito da cidade, Lourival Lacerda. A mulher era hipertensa e já apresentava problemas pulmonares em função do tabagismo. 

Segundo o prefeito, caso seja confirmado que a morte foi provocada pelo coronavírus, ele pretende adotar medidas mais rígidas de isolamento social e planeja até fechar os acessos à cidade, permitindo apenas a entrada de alimentos e remédios. De acordo com Lourival, as principais comunicações rodoviárias de Aguiar são com São José de Piranhas, Coremas e Piancó. Outra medida seria a obrigatoriedade do uso de máscara para os residentes quando sairem de casa. 

Atualmente, a Prefeitura tem atuado com forte presença na saúde e assistência social às famílias em vulnerabilidade e também com medidas sanitárias preventivas. “Aqui estamos distribuindo cestas básicas, máscaras, disponibilizando álcool gel em local público, posto do PSF da cidade em três turnos e vamos instalar pias a partir de sábado agora nos locais de grande movimento. Já temos feito a higienização dos nossos locais públicos, temos uma vigilância sanitária atuante e todos os nossos profissionais receberam equipamentos de proteção individual e temos disponibilizados exames diversos para casos em monitoramento, para os suspeitos e os já confirmados”, comentou o prefeito, que também utiliza carro de som para orientação à comunidade urbana sobre a doença e as medidas necessárias de isolamento social. 

“Nossa preocupação é constante no tocante à saúde e à alimentação”, completou Lourival Lacerda.

oblogdepianco.com.br