segunda-feira, 2 de março de 2020

Governo federal vai leiloar 12 imóveis apreendidos do tráfico de drogas na Paraíba; entenda como vai acontecer

O governo federal vai leiloar 612 imóveis apreendidos do tráfico de drogas. Ainda não há data para o leilão, mas, de acordo com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, isso deve ocorrer em breve. Entre os imóveis a serem leiloados estão casas, apartamentos, sítios, terrenos, prédios, lotes, chácaras, fazendas, galpões e outras propriedades em todas as regiões do país. Na Paraíba, 12 imóveis estão incluídos no leilão e se localizam em João Pessoa, Cabedelo, Campina Grande, Guarabira e Baía da Traição.


O mapa com a localização e detalhes de todos esses imóveis estão no site da Senad (Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas), órgão vinculado ao Ministério da Justiça e Segurança Pública. De acordo com o governo, a plataforma diminui a burocracia e facilita que esses bens sejam leiloados o quanto antes, gerando recursos para políticas antidrogas em âmbito nacional.

“Disponibilizamos essa informação publicamente para reforçar a prioridade na gestão de ativos feita pela Senad. Estamos dando a máxima publicidade aos bens imóveis que estão sob a nossa administração e já estamos em tratativas com a SCGPU [Secretaria de Coordenação e Governança do Patrimônio da União] para proceder a venda da maioria deles brevemente”, afirmou o diretor de Gestão de Ativos da pasta, Igor Montezuma.

O site também traz informações acerca da documentação judicial completa ou incompleta dos imóveis, indicando, assim, se há pendência com relação aos documentos encaminhados pelo Judiciário à Senad.

Quando a documentação está completa, o bem, do ponto de vista da documentação judicial, já pode ser leiloado, restando a necessidade de verificação dos requisitos e procedimentos administrativos para efetivar sua alienação.

UOL