terça-feira, 24 de dezembro de 2019

Lígia Feliciano não comparece à entrevista coletiva com João Azevêdo

Foi bastante notada a ausência da vice-governadora Lígia Feliciano (PDT) na entrevista coletiva realizada pelo governador João Azevêdo (sem partido), nesta segunda-feira (23), para falar sobre os últimos episódios da Operação Calvário. Na ocasião, o gestor se colocou à disposição da Justiça para esclarecer citações a seu nome e anunciou o fim dos contratos com organizações sociais nas unidades de saúde do Estado.

Os principais nomes da gestão compareceram ao evento, no Palácio da Redenção, a exemplo dos secretários da saúde, Geraldo Medeiros; da segurança Pública, Jean Nunes; da articulação política, João Gonçalves, e Efraim Morais, da agricultura. Também estiveram presentes o secretário da comunicação, Nonato Bandeira, e o procurador-geral do Estado, Fábio Andrade.

A entrevista coletiva foi convocada ontem. Além de anunciar o fim dos contratos com organizações sociais, o governador também apresentou os cronogramas de transição das unidades hospitalares para a administração estadual e, em seguida, para a Fundação PB Saúde. João Azevêdo também respondeu perguntas de jornalistas sobre as citações ao nome dele na reportagem veiculada neste domingo (22) no Fantástico. Ele negou que tenha participado de qualquer irregularidade.

Procurada pela reportagem do Polêmica Paraíba, a assessoria da vice-governadora Lígia Feliciano informou que ela está viajando e não conseguiu voltar à Capital a tempo de participar da entrevista. O destino da viagem, porém, não foi informado.

Fonte: Polêmica Paraíba