segunda-feira, 9 de setembro de 2019

EXCLUSIVO: Prefeitura de Piancó toma posse da Escola 'Beatriz Loureiro Lopes'; entenda

A Escola Estadual de Ensino Fundamental Beatriz Loureiro Lopes, até então era administrada e dirigida pela secretaria estadual de educação, até fins da gestão do governador Ricardo Coutinho (PSB), quando este fechou várias escolas no Estado com a desculpa de um tal de "Reordenamento da Rede Estadual". Essa atitude do governador, causou grande preocupação e descontentamento em muitos professores, pais e alunos. A extinção de séries do Fundamental ou do Ensino Médio em determinadas escolas e até o fechamento completo atingiu mais de 100 instituições na Paraíba, conforme números aproximados passados pela Secretaria da Educação. Com relação a Piancó, o que se estranhou foi que a Escola Normal Estadual Santo Antonio, praticamente em ruínas e com uma parte da sua estrutura física ao chão, não foi fechada. Na época do fechamento ou reordenamento, ele (Ricardo) explicou "que apenas escolas que não possuem condições estruturais serão desativadas". Ricardo garantiu que os alunos das escolas desativadas não seriam prejudicados, "pois vão ser transferidos para outras unidades". Enquanto outras cidades ganhavam grandes centros de educação, as chamadas  'Escola Estadual Cidadã
Integral Técnica (ECIT)', Piancó ficava sem escolas e as que restaram estão em ruínas, sob pena de causar uma grande tragédia, atingindo funcionários, professores e alunos, a exemplo do "Santo Antonio".

Escola Beatriz Loureiro Lopes
Para surpresa de muitos e nenhuma novidade para alguns, a prefeitura de Piancó durante esse mês de setembro, através da sua assessoria, descobriu que, quando da eleição da então candidata vitoriosa Flávia Serra Galdino, em 2004, e posse no ano de 2005 tendo como vice Antonio Dantas, eleitos pela Coligação "PIANCÓ DE TODOS NÓS" com os partidos: PSDC/PP/PMN/PSB, com 3.917 (41,73%), eis que algo fora do comum é feito nos bastidores da nova oposição na cidade, e um possível documento sem validade crível, transferia o terreno onde está localizado a Escola "Beatriz"  para o Estado, com o intuito de prejudicar a população e a nova gestão municipal que tomava posse naquele momento. Mas para surpresas dos algozes que tramaram tudo, a gestão Daniel Galdino descobre a "armação" e retoma para si o imóvel da EEEFM Beatriz Loureiro Lopes, onde fará daquele espaço público que o ex-governador Ricardo Coutinho e seus asseclas queriam destruir, agora será revitalizado pelo Município - seu verdadeiro dono -, e novos projetos serão executados para o bem da comunidade.

Com relação a documentação "forjada", segundo alguns assessores da prefeitura, a época de 2005/2006, o Município acionará seu Jurídico para tornar o imóvel legal e devolvido a seu próprio dono, que é a população através do Município, e quem cometeu ato ilícito que arque com as consequências, respondendo de acordo com as leis que regem o País.

Conforme as primeiras imagens, assessores e membros da secretaria de educação de Piancó, se encontram no imóvel - sem energia elétrica e com quase toda sua estrutura física em ruínas -, para ver as condições reais do local e,, em breve, colocar projetos para a população, especialmente para os jovens, nas artes, esportes, lazer, áreas técnicas, etc.

Relembre o resultado das eleições de 2005 em Piancó