segunda-feira, 12 de agosto de 2019

Sangue do matadouro público de Monteiro escorre para canal da Transposição

Um vídeo registrado por um morador da cidade de Monteiro, no Cariri da Paraíba, mostra o flagrante do momento em que o sangue dos animais que são mortos no matadouro público do município escorre para o canal da Transposição do Rio São Francisco. O canal corta a cidade e leva as águas pluviais para o Rio Paraíba. 

O descarte dos resíduos sólidos e líquidos de um matadouro foram avaliados em pesquisa acadêmica na vizinha cidade de Sumé. O descarte desses resíduos geralmente é feito no aterro sanitário nesta cidade, como deve ser em Monteiro. O impacto ambiental poderia ser reduzido se houvesse projetos de gestão ambiental e de incentivo nestes casos, segundo a pesquisa.

Uma vez que praticamente todos os resíduos gerados na atividade podem ser reaproveitados, podendo gerar renda e reduzir os possíveis impactos ambientais. Segundo a pesquisa, isso inclui o sangue que é lavado dos animais abatidos.

Fonte: Paraíba Debate