segunda-feira, 5 de agosto de 2019

Ex-apresentador do SBT ganha cargo no governo Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta 6ª feira (02/08/2019) o biólogo e apresentador Richard Rasmussen como novo embaixador do turismo no Brasil. A decisão foi comunicada pelo presidente em sua conta oficial no Twitter.

“Richard Rasmussen, com muita honra, é o Embaixador do Turismo no Brasil”, tuitou o chefe do Executivo federal.

No vídeo de apresentação, Rasmussen disse que quer ajudar o país e a Embratur a fortalecer o ecoturismo para além do “eixo-vicioso” do Brasil. Citou os biomas brasileiros como pontos turísticos para atrair estrangeiros ao país.

“Quando a gente traz o turista que procura experiências de natureza, nós estamos ajudando a fiscalizar melhor as nossas áreas naturais, nós estamos ajudando a levar renda e capacitação para áreas que, normalmente, são carentes de recursos econômicos”, disse o biólogo.

APRESENTADOR TEM PROCESSOS NO IBAMA, DIZ REVISTA
Richard Rasmussen é formado em biologia e economia. Como biólogo, Rasmussen atuou como apresentador em canais como RecordTV, SBT e National Geographic. Viajou o mundo explorando florestas e animais selvagens.

Porém, sua atuação virou alvo de críticas por parte do documentarista norte-americano Mark Grieco. Em 1 documentário de 2017 chamado A River Below, Grieco afirmou que Rasmussen teria pagado para pescadores matarem 1 boto-cor-de-rosa.

Além disso, segundo a revista Veja, o biólogo acumula multas de R$ 268 mil aplicadas pelo Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). As autuações seriam por manter animais em cativeiro sem autorização.