terça-feira, 7 de maio de 2019

TJPB nega pedido de habeas corpus para Roberto Santiago

A Câmara Criminal do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB) negou, nesta terça-feira (7), por 3 a 0, pedido de habeas corpus para o empresário Roberto Santiago, preso desde o dia 22 de março, durante a terceira fase da Operação Xeque-Mate, deflagrada pela Polícia Federal e Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público da Paraíba (MPPB).

Desde que o mandado de prisão foi cumprido, Santiago foi encaminhado para o 1º Batalhão de Polícia Militar, no bairro do Varadouro, em João Pessoa. Nessa segunda-feira (6), uma portaria assinada pelo juiz Eslú Eloy Filho determinou a transferência de 25 presos civis – entre eles, o empresário – para presídios comuns da Capital.

No início deste mês, o Ministério Público apresentou denúncia contra Roberto Santiago e mais 13 pessoas que teriam participado de um suposto esquema que envolveu fraudes em licitação, corrupção e desvio de recursos públicos.

Portal Correio