sexta-feira, 24 de maio de 2019

Governador nomeia de forma direta os diretores da Maternidade e do Hospital Regional de Patos

O Diário Oficial do Governo do Estado da Paraíba, na edição desta quinta-feira, dia 23, trouxe a nomeação de Liliane Abrantes de Sena para direção do Hospital Regional de Patos e do Dr. Umberto Marinho de Lima Júnior para direção da Maternidade Dr. Peregrino Filho.

As nomeações podem estar diretamente ligadas a decisão do Governador João Azevedo (PSB) em romper em definitivo com o Instituto Gerir que administra o Complexo Hospitalar Regional e da Maternidade Dr. Peregrino Filho, porém, vem sendo duramente criticada pelo descaso nos órgãos.

Liliane Sena e Dr. Umberto Júnior estavam nas direções através do Gerir e agora assumem de forma direta pelo Governo do Estado da Paraíba. Tanto Dr. Umberto Júnior, bem como Liliane Sena, estão indo para João Pessoa para assinar a documentação necessária diante da indicação política.

Nesta sexta-feira, dia 24, vai acontecer a plenária do Orçamento Democrático Estadual (ODE), em Patos. O próprio Governador, bem como seus assessores, discute com os cidadãos da região sobre as principais reivindicações da sociedade. A situação da Maternidade e do Hospital Regional de Patos estava sendo cogitada para ser pautada diante dos problemas.

Na última segunda-feira, dia 20, na Câmara Municipal de Patos, a Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa da Paraíba, teve que se render às críticas duras feitas por representantes da sociedade em relação ao descaso na maternidade e no hospital. A audiência pública contou com a presença do secretário de Saúde do Estado e também com o presidente da comissão de saúde, Deputado Estadual Dr. Érico Djan. A atividade pode ter sido fundamental para o fim do contrato com a Gerir.

Patosonline.com