quarta-feira, 29 de maio de 2019

Após críticas de RC, já tem deputado sugerindo que João mude de partido

João Azevedo vai negar. Mas, setores próximos ao governador sussurram que já não se pode descartar a “possibilidade dele (João) avaliar uma outra legenda, para não ficar refém como tem ficado, e alvo de tantas críticas de seu próprio partido, o PSB”. Nos últimos dias, o clima ficou pesado no partido, após críticas de militantes e do próprio ex Ricardo Coutinho ao governador.

Se, durante a campanha de 2018, Ricardo Coutinho dizia que João Azevedo era responsável por todas as obras de seu governo, nos últimos dias, tem afirmado que tudo que o atual governador tem feito vem da gestão anterior. O que, inclusive, levou Azevedo a devolver, afirmando que não caiu de paraquedas no governo, e que, portanto, é partícipe da gestão girassol desde o início.

O desconforto é evidente. De ambos os lados. Na Assembleia, por exemplo, dentro da chamada base, há uma bancada ricardista, ou ricardeira, como se queira, e outra bancada que é “100% João”. Por isso, alguns parlamentares já têm, de forma ainda incipiente, sugerido que o governador mude de legenda, “para ter algum conforto, e não se contamine com o que pode estar vindo por ai”. Os parlamentares se referem, obviamente, aos desdobramentos da Operação Calvário.

“E, para onde João for, pode anotar ai, vai muita gente”, arrematou um deputado.