sexta-feira, 12 de abril de 2019

Vice-prefeito assume comando do Solidariedade na Paraíba e comenta sobre metas

O vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior, assumiu nesta quinta-feira (11) o cargo de presidente estadual do Solidariedade.

Em entrevista para a Rádio Correio FM, Manoel afirmou que o trabalho do partido no Estado será de muitas mãos e que as visitas serão feitas a partir das cidades maiores, para que as chapas políticas sejam formadas e disse já ter visitado Campina Grande, possuindo na cidade possíveis nomes para compor uma provável chapa majoritária para as eleições de 2020.

Ele declarou querer fazer esse trabalho em prol do partido diante da forte relação de amizade e confiança que há com presidente nacional da legenda, Paulinho da Força.

O vice-prefeito relatou que no último dia de filiação do processo eleitoral, Paulinho solicitou que ele fosse comandar a legenda diante da renúncia do ex-presidente do partido, Benjamim Maranhão. Porém o próprio Manoel recusou a proposta diante da filiação no PSC no momento em questão.

– Eu me acanhei perante mim mesmo por uma questão ética. A vontade era grande, mas não tive condições pois me filiei ao PSC com a legítima condição de ser candidato ao que eu quisesse e onde a intenção era a participação na majoritária, mas tive que ir para o sacrifício da chapa proporcional. Mas, isso é ensinamento e aprendizado. Estamos levando para frente a perspectiva de fazer o Solidariedade crescer, temos metas a atingir e as cumpriremos rigorosamente – pontuou

Manoel frisou que o movimento do partido dentro do Estado contará com participação de filiados, de juventudes e de todos que queiram construir juntamente com ele.

paraibaonline