sábado, 16 de março de 2019

Governo da Paraíba notifica 29 servidores por acúmulo ilícito de cargos

Vinte e nove servidores do estado da Paraíba foram notificados pela Comissão Estadual de Acumulação de Cargos da Secretaria de Administração pelo acúmulo ilegal de cargos. Conforme notificações publicadas no Diário Oficial do Estado (DOE) da Paraíba desta quinta-feira (14), quase a metade, 13 dos 29 servidores, são médicos em algum dos vínculos detectados.

O levantamento apontou ainda que cinco dos servidores do estado que foram notificados pelo ilícito são vereadores em cidades da Paraíba. Em um dos casos, o servidor é médico no estado, médico nas prefeituras paraibanas de Sousa e São Bento, e possui também dois vínculos de médico na Prefeitura da cidade de Rafael Godeiro no Rio Grande do Norte, totalizando cinco vínculos.

A notificação indica que o servidor tem o prazo de cinco dias consecutivos, a contar da publicação, para informar por qual cargo vai optar. Conforme as publicações, os servidores foram notificados anteriormente e apresentaram defesa, porém as defesas não foram aceitas e os servidores foram obrigados a optar se mantém o vínculo com o governo do estado da Paraíba.

As notificações são assinadas pelo presidente da comissão Thiago César Cavalcanti de Miranda Coelho. Os nomes dos servidores notificados podem ser conferidos a partir da página oito do Diário Oficial do Estado da Paraíba.

G1