segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

Morre o jornalista Ricardo Boechat em queda de helicóptero em São Paulo

(Reprodução de TV)
O jornalista Ricardo Boechat morreu aos 66 anos no início da tarde desta segunda-feira. Ele estava dentro do helicóptero que caiu no acesso à Rodovia Anhanguera, em São Paulo. O âncora da TV Band e da rádio BandNews FM estava a caminho de um evento de um laboratório farmacêutico, onde faria uma palestra, em Campinas, segundo colegas do jornalista.

Na queda, a aeronave bateu na dianteira de um caminhão que transitava pela via.

Inicialmente, os Bombeiros disseram que as vítimas fatais eram o piloto e o copiloto, que morreram carbonizados. Em seguida, foi confirmado que Boechat estava na aeronave. O apresentador e o piloto faleceram.

O motorista do caminhão atingido também ficou ferido e foi socorrido pela concessionária CCR Rodoanel Oeste. Pelo menos 11 viaturas foram enviadas ao local. Segundo o Corpo de Bombeiros, a aeronave caiu no quilômetro 7 da Rodovia Anhanguera, sentido Castelo Branco, próximo ao pedágio Jabaquara. 

Os bombeiros informaram que o fogo foi extinto por volta das 13h.

A Rádio BandNews divulgou uma nota no Twitter lamentando a morte do âncora. A emissora trocou seu avatar nas redes sociais para uma imagem preta, simbolizando o luto. A emissora chegou a ficar alguns minutos fora do ar. 

É com profunda tristeza e consternação que nós, da Rádio BandNews FM, comunicamos a morte do nosso amigo e âncora de todas as manhãs, Ricardo Boechat.

Boechat era apresentador da TV Bandeirantes, passou pelas principais redações do país, como jornal O DIA, O Globo, O Estado de São Paulo e Jornal do Brasil. Na década de 1990, teve uma coluna diária política no “Bom Dia Brasil”, da TV Globo.

O jornalista nasceu em Buenos Aires quando o pai, diplomata brasileiro, servia o Ministério das Relações Exteriores.

Reprodução: oblogdepianco.com.br