segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

MPPB divulga lista dos pré-finalistas do Concurso de Fotografia

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) divulga, nesta sexta-feira (30), a lista dos pré-finalistas nas três categorias do “2° Concurso de Fotografia – MPPB e Direitos Humanos”. Os recursos devem ser interpostos por e-mail (concursodefotografiamppb@gmail.com) no prazo de 48 horas. A lista dos finalistas será publicada até terça-feira (4).

A comissão julgadora do concurso foi composta pela procuradora de Justiça Vasti Cléa Lopes; pela promotora de Justiça, Cristiana Vasconcelos e pela professora de Fotografia da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Agda Aquino, e contou com o apoio da equipe de profissionais da Assessoria de Comunicação do MPPB.

Este ano, o tema do concurso faz alusão aos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, promulgada no dia 10 de dezembro de 1948 pela Organização das Nações Unidas (ONU). Oitenta e nove fotos foram inscritas, 60 na categoria 'Amador', 26 na categoria 'Profissional' e três, na categoria 'Membro e Servidor'. Os nomes dos pré-finalistas estão em ordem alfabética.

Os dez melhores trabalhos vão integrar a mostra fotográfica que vai ser realizada no auditório da Procuradoria-Geral de Justiça, em João Pessoa, na manhã do dia 11 de dezembro, durante a 'Semana do Ministério Público'. Na ocasião, serão divulgados os três primeiros colocados das categorias 'Amador' e 'Profissional', que concorrem a prêmios em dinheiro no total de R$ 9 mil. Os demais trabalhos receberão troféu de Menção Honrosa.

O concurso tem o apoio e patrocínio do Centro Universitário de João Pessoa (Unipê), da Faculdade de Ciências Médicas (FCM), da Unimed João Pessoa, da Associação e do Sindicato dos Servidores do Ministério Público da Paraíba e da Associação Paraibana do Ministério Público (APMP). Confira os nomes dos pré-finalistas por ordem alfabética, com seus respectivos trabalhos:

Categoria Amador
Andreza Clarinda Araújo do Amaral - “Direito à vida digna”
Daiana Targino da Silva - “Tecendo Sonhos”
Daniel Nery da Fonsêca Pinto – “Sobre viver”
Giselma Vieira Moreira Franco – “Água de beber”
Ivone Beatriz Cavalcanti da Silva – “Onde os fracos não têm vez”
João Dantas da Silva Neto – “A força da mulher sertaneja”
Matheus Filipi da Silva Diniz – “A infância e seus direitos”
Roan Nascimento Santos - “Liberdade”
Sérgio Siddiney Borges de Araújo - "Hortas Verticais para Ressocialização”
Valéria Sinésio da Silva – “Direito à Educação”

Categoria Profissional
Assuero Lima de Oliveira - “Não à pedofilia”
Diego Luiz Nóbrega Rodrigues - “O Sertão é sem lugar”
Francisco Rodrigues de França - “Quilombola”
Isabel Cristina Silveira de Souza - “Meu direito de ir e vir”
Kleide Maria Silva Teixeira - “Território Tabajara”
Leonardo dos Santos Silva - “Criança – direito à instrução”
Márcio de Miranda Gago - “Liberdade de pensamento, de consciência e de religião”
Marcus Antonius Gouveia de Oliveira - “Esperança”
Maria Edinalva Muniz de Figueiredo - “Disputa desumana pelo lixo”
Wallace Ricardo Puppe Cavalcanti - “A liberdade de ir, vir, ser e crer”

Categoria Membro e Servidor
Alan Anezio da Silva Lima - “Luzia sem Direitos”
Simone Silva de Araújo - “Liberdade religiosa também é um direito humano!”
Valuce de Alencar Bezerra - “Vida que fica, vida que vai”

oblogdepianco.com.br com MPPB