quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

Aposentados e pensionistas do INSS tem até o próximo dia 28 para provar que estão vivos; O não cumprimento pode resultar na suspensão do benefício

Os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) tem até o próximo dia 28/02 para fazer a “prova de vida”. O procedimento é obrigatório para todos os beneficiários, e o não cumprimento pode resultar na suspensão do benefício.

Inicialmente o prazo iria até 31 de dezembro de 2017, mas o período foi estendido por conta do alto número de pessoas que não fizeram a comprovação. De acordo com o Instituto, cerca de 3,2 milhões de aposentados e pensionistas ainda não realizaram a prova de vida.

A comprovação pode ser feita no próprio banco onde a pessoa recebe o benefício por meio de apresentação de documento de identificação com foto, não sendo necessário o comparecimento a uma agência do INSS.

Quem não tem condições de ir até a agência por motivo de doença ou dificuldades de locomoção tem a opção de comprovar que está vivo por meio de um procurador que deve ser cadastrado no INSS. Segundo o portal Veja, quem mora no exterior pode realizar o procedimento por meio de um procurador, documento emitido por consulado ou formulário específico.

Para obter mais informações o segurado pode ligar na central do INSS por meio do número 135.

(Arquivo/Agência Brasil)

oblogdepianco.com.br