quarta-feira, 28 de novembro de 2018

Eleição para presidente da OAB-PB acontece nesta quarta-feira (28)

  (Foto: Francisco França/Jornal da Paraíba)
Por G1 PB
O pleito para eleger o novo presidente da Ordem dos Advogados do Brasil na Paraíba (OAB-PB) acontece nesta quarta-feira (28). Mais de dez mil advogados devem ir às urnas para definir quem vai comandar a seccional a partir de 2019. Os que não comparecerem podem ser penalizados com uma multa equivalente ao valor de 20% da anuidade.

Três candidatos disputam a presidência: Paulo Maia, atual presidente e que busca a reeleição, Sheyner Asfora e Carlos Fábio Ismael. Segundo a assessoria de comunicação da OAB/PB, 10.579 advogados estão aptos a votar.

A eleição acontece em João Pessoa e em outras oito cidades onde existem subseções da OAB-PB, das 9h às 17h. A votação será feita por meio eletrônico e, na capital, as urnas vão estar instaladas no Clube Cabo Branco. A expectativa é que o resultado seja conhecido até as 20h do mesmo dia.

Conforme a presidente da comissão eleitoral, Madalena Abrantes, devem comparecer todos os inscritos na ordem, desde que estejam adimplentes com a entidade. Os inadimplentes não podem votar. “Mas como 2018 não acabou, estamos levando em conta o ano de 2017, é preciso estar quite do ano passado para trás”, explicou Madalena.

Os que não comparecerem podem ser penalizados com uma multa equivalente ao valor de 20% da anuidade. No entanto, os faltosos podem apresentar uma justificativa em até 30 dias, contados da data da eleição, que será apreciada pela Diretoria do Conselho Seccional. A OAB-PB criou uma ferramenta no site oficial para facilitar a justificativa.