sábado, 10 de novembro de 2018

Clodoaldo Brasilino: Obras de construção do Açude do Conselho (Açude do Governo) em Piancó

por Clodoaldo Brasilino Filho*

Em 28 de outubro de 1895, era autorizado pelo Presidente da Paraíba, o início das obras do Açude do Conselho (conhecido por Açude do Governo), autorizando o Diretor de Obras Públicas do Estado, José Joaquim de Freire, executar obras de construção que constarão dos seguintes serviços: 

- Paredão de argila de socado tendo cumprimento de 180m e 10m de altura; 50m de altura no ponto mais baixo; 34m de base e 5m de base. 

- Um revestimento de argamassa de um volume de cimento por dois de areia. Escavação da fundação com 3m de largura, 1m de altura para o paredão de argila. 

- Limpeza de toda vegetação dentro do perímetro do açude. 

- Abertura de uma vala para sangradouro com extensão de 100m por 10m de largura, tendo na sua maior altura 2m de profundidade. 

Essa obra correrá com recursos exclusivo do Estado da Paraíba, e que trará grandes benefícios para população de Piancó. Assim, em 28 de outubro de 1895, inicia-se a construção do famoso Açude do Governo, com o nome oficial de Açude do Conselho. É por lembrar que essa denominação de Açude do Conselho, foi colocado em razão do seu sangradouro passar perto da rua do Conselho Municipal de então, hoje rua 09 de fevereiro.

*Historiador/pesquisador

oblogdepianco.com.br