quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Clodoaldo Brasilino: A Câmara Municipal de Piancó em 1963

por Clodoaldo Brasilino Filho*

A Câmara Municipal de Piancó, em 28 de junho de 1963, cassa o mandato do prefeito. 

O presidente da Câmara Municipal de Piancó, no uso de suas atribuições legais, faz saber que a Câmara Municipal de Piancó decreta e eu sanciono a resolução seguinte: 

Art. 1° - Fica cassado o mandato do prefeito Paulo Montenegro Pires, por infringir o artigo 93 da constituição do Estado da Paraíba. 
Art. 2° - Declarado vago o cargo por força da presente resolução, assumirá as funções de prefeito Municipal de Piancó, o vice-prefeito e em sua falta o presidente da Câmara. 
Art. 3° - Revoga-se as disposições em contrário e está resolução entra em vigor a partir desta data. 

Piancó, 28 de junho de 1963

José Basílio da Silva -presidente
Francisco de Assis, 1° secretário 
João Batista de Sousa 2° secretário. 

Em 09 de janeiro de 1954, o presidente da Câmara Municipal de Piancó, vereador Napoleão Ângelo da Silva, convoca reunião extraordinária e de acordo com a lei orgânica do município, resolve dissolver a Câmara Municipal de Piancó, sendo comunicado a decisão ao prefeito Djama Leite.

Piancó 09 de janeiro de 1954, Napoleão Ângelo- presidente.

*Historiador/pesquisador

oblogdpianco.com.br