quarta-feira, 24 de outubro de 2018

Fiscalização itinerante do Creci-PB percorre vários municípios no final de semana

A unidade móvel Creci-Itinerante percorreu no último final de semana as cidades de Lucena, Solânea, Bananeiras e Guarabira. Ao final, foram lavrados três autos de infração por exercício ilegal da profissão, dois pela facilitação a essa prática, cinco por débitos de anuidades, um por falta de autorização e dois por anunciar em desacordo com a Resolução n. 1065/2007.

Também foram lavrados 19 autos de constatação e uma notificação. Em Guarabira, José Humberto da Silva foi autuado por exercício ilegal da profissão e prestado boletim de ocorrência policial na 8ª Delegacia Seccional da Polícia Civil, por vir utilizando-se da rede social Facebook, para anunciar à venda uma casa situada no bairro Antônio Mariz, pertencente a um vizinho seu, caracterizando o exercício ilegal da profissão, pelo fato de o mesmo dispor de habilitação para tal.

A equipe de fiscalização, coordenada por Hermano Azevedo, foi composta ainda por Sérgio Pereira, Marina Stuckert, Flávio Alves, Ubirajara Prímola e a auxiliar administrativa Liliam de Paula.

A unidade móvel adquirida com recursos próprios continuará percorrendo, sobretudo, cidades do interior do estado que não possuem Delegacias do Conselho, esclarecendo dúvidas acerca de documentação, certidões e contratos necessários a um negócio imobiliário, bem como recebendo denúncias sobre exercício ilegal da profissão e atuação de corretores de imóveis e imobiliárias.

Aos corretores de imóveis, são oferecidos, dentre outros, serviços como inscrições de pessoa física e jurídica, emissão de certidão de regularidade e parcelamento de débitos. O presidente do Creci-PB, Rômulo destacou que a iniciativa faz parte de uma série de ações voltadas à descentralização administrativa e acessibilidade aos serviços do Conselho, adotada na atual gestão. 

resumopb.com