sexta-feira, 26 de outubro de 2018

Cássio não irá concorrer à Prefeitura de Campina, revela aliado do senador


O senador Cássio Cunha Lima (PSDB), que perdeu a eleição para o Senado, não deve concorrer à Prefeitura de Campina Grande, em 2020. É o que revelou o deputado estadual reeleito Manoel Ludgério (PSD), que ao contrário de Cássio, tem pretensões de disputar a prefeitura campinense. Ludgério contou que Cássio Cunha Lima lhe telefonou no dia 23 de outubro, dia do seu aniversário, e disse que era um pleito muito justo o seu, o de disputar a Prefeitura de Campina Grande, e adiantou que ele não tinha a intenção de ser candidato a prefeito.

Ludgério disse que se sente maduro, preparado, e como "ninguém é candidato de si próprio", tem sentido um movimento na cidade nesse sentido, estimulando e incentivando sua postulação, mas é uma "construção", frisou, afirmando esperar que, na época certa, possa chegar com a candidatura viabilizada. “O sonho de quem habita Campina, uma cidade belíssima, é de poder administrar Campina Grande. E eu tenho esse sonho".

Ludgério disse, durante entrevista no Correio Debate, que continuará no PSD e que dará início ao trabalho de fortalecimento do partido.

Ele lembrou que a oposição foi derrotada nas eleições para o Governo do Estado devido à falta de unidade e de organização, mas, sobretudo, porque a oposição marchou dividida. “Ninguém vence com um time dividido”, disse, lamentando que a candidatura de Romero Rodrigues foi inviabilizada por terem deixado expirar o prazo de desincompatibilização do cargo de prefeito.

Click PB