segunda-feira, 10 de setembro de 2018

Com 58 coordenadores na Prefeitura, Olho D’água tem uma das folhas mais caras da região


Dados do Tribunal de Contas do Estado mostram o impressionante número de pessoas ocupando funções de coordenação na Prefeitura de Olho D’água. O cargo é Comissionado, ou seja, de livre escolha do prefeito, mas é difícil imaginar que o município precise de tanto coordenador, são 58 ao todo nas mais distintas áreas e a maior parte aparenta não ter ocupação prática. 

A Prefeitura tem 115 cargos comissionados, metade dos quais de coordenadoria, mas há também dezenas de diretores e vários secretários. 

Os Comissionados, que são cargos de confiança do gestor, consomem quase 150 mil reais por mês. O município ainda tem 61 temporários, também de livre escolha do prefeito, com um custo mensal de 104 mil reais. 

O município de Olho D’água tem, ao todo, 470 funcionários. O custo com a folha de pessoal, uma das mais caras proporcionalmente da região, foi de cerca de 4 milhões de reais no primeiro semestre deste ano, o que correspondeu a maior parte das despesas empenhadas e pagas no período, ou seja, de janeiro a junho, de 6,8 milhões de reais.