quarta-feira, 15 de agosto de 2018

Vice prefeito de Patos toma posse e cobra independência política na gestão

O vice-prefeito de Patos, Bonifácio Rocha (PPS), tomou posse, na manhã desta quarta-feira (15), em uma sessão que durou cerca de meia hora na Câmara Municipal e garantiu independência política durante as eleições 2018. Ele assumiu o comando da cidade após o Tribunal de Justiça afastar o prefeito Dinaldinho Wanderley (PSDB) por irregularidades na gestão

“A Prefeitura não terá candidato e nenhum candidato se beneficiará por parte do poder público”, destacou.

Bonifácio Rocha prometeu ser duro contra a corrupção na cidade e prometeu exonerar servidores em caso de irregularidades.

“Tenho muitos amigos na administração e seria muito constrangedor ser obrigado a exonerara alguém por desonestidade, mas não vacilarei um segundo sequer. Se eu não vou prejudicar o erário público também não permitirei que qualquer pessoa faça”, destacou.

Bonifácio Rocha, lembrou que essa é a segunda-vez que um prefeito é afastado nos últimos anos na cidade e cobrou mudanças na política.

“A cidade de Patos passa por um momento muito crítico na atividade política nos últimos dois anos. Um prefeito convencionalmente fica na cidade por oito anos e Patos, há dois anos é o quarto prefeito que entra. O povo não merece isso. Ou se muda a política ou não se muda os costumes”, argumentou.

Ele disse que não sabe quanto tempo passará na gestão, mas o tempo que estiver à frente da administração municipal lutará como se estivesse por quatro anos no mandato.

Bonifácio Rocha disse que nessa primeira semana fará um levantamento da situação administrativa da cidade e vai primar pela aplicação dos recursos públicos.

Fonte: MaisPB