quarta-feira, 1 de agosto de 2018

Nota à Imprensa - Família Dr. Hélio Bicudo

(exame.abril.com.br)
A família manifesta seu mais profundo pesar pelo falecimento do advogado Hélio Bicudo na manhã desta terça-feira, 31, em São Paulo, aos 96 anos.

Dono de um saber jurídico ímpar e de uma vida inteira pautada em um trabalho ético e honesto, ele foi um dos mais importantes ativistas pelos direitos humanos no País, especialmente enquanto combateu o chamado Esquadrão da Morte, durante a ditadura militar, como promotor público de São Paulo. Na época, inclusive, foi membro da Comissão de Justiça e Paz, e presidente do Centro Santo Dias de Direitos Humanos, ambos da Arquidiocese de São Paulo. 

Foi presidente da Organização Interamericana de Defesa dos Direitos Humanos, da OEA, que tinha como objetivo fortalecer a luta em defesa dos direitos humanos nas Américas. Bicudo foi autor do primeiro Programa Nacional de Direitos Humanos (PNDH), duas vezes deputado federal e, entre 2001 e 2004, foi vice-prefeito paulistano.

Hélio Bicudo deixa um legado de amor à família e sempre será lembrado por seu profissionalismo e honestidade.

O velório ocorreu nesta terça-feira (31), no Funeral Home, às 17h. Rua São Carlos do Pinhal, 376 - Bela Vista.

oblogdepianco.com.br com Assessoria de Imprensa