domingo, 25 de março de 2018

Igreja Católica comemora o Domingo de Ramos em Piancó

A Semana Santa começa com o Domingo (25) de Ramos, cuja liturgia celebra a entrada de Jesus Cristo em Jerusalém montado em um jumentinho (o símbolo da humildade), que é aclamado pelo povo simples. As pessoas O aplaudiam como "Aquele que vem em nome do Senhor"; esse mesmo povo que O viu ressuscitar Lázaro de Betânia poucos dias antes, estava maravilhado, e tinha a certeza de que este era o Messias anunciado pelos profetas. Porém, pareciam ter se enganado no tipo de Messias que o Senhor era. Pensavam que fosse um Messias político, libertador social, que fosse arrancar Israel das garras de Roma e devolver-lhe o apogeu dos tempos de Davi e Salomão.

Para deixar claro a esse povo que Ele não era um Messias temporal e político, um libertador efêmero, mas o grande libertador do pecado, a raiz de todos os males, então, Cristo entra na grande cidade, a Jerusalém dos patriarcas e dos reis sagrados, montado em um jumentinho; expressão da pequenez terrena, pois não Ele é um Rei deste mundo! Dessa forma, o Domingo de Ramos é o início da Semana que mistura os gritos de "Hosana" com os clamores da Paixão de Cristo. O povo acolheu Jesus acenando seus ramos de oliveiras e palmeiras. Os ramos significam a vitória: "Hosana ao Filho de Davi: bendito seja o que vem em nome do Senhor, o Rei de Israel; hosana nas alturas".

Em Piancó, a solenidade do Domingo de Ramos teve início na Igreja do Rosário com a Bênção dos Ramos seguido de uma grande Procissão, o povo acenando seus ramos entre cantos e orações, até a Igreja de Santo Antonio onde foi celebrada a Santa Missa pelo Padre José Ronaldo que na sua pregação mostrava muitas lições deixadas por Jesus naquela ocasião, sendo a maior de todas, a humildade, pois sendo humano fez-se servo de todos e na sua condição divina não quis ser igual a Deus, mas foi obediente até a morte numa cruz.

Vale salientar que, a "Grande Semana" em Piancó começou bem participada, a igreja superlotada de fiéis neste dia, sentiu-se motivada pelo Padre Ronaldo a participar de todas as celebrações desta Semana Santa, momento oportuno para revivermos os mistérios da Paixão, Morte e Ressurreição de Nosso Senhor Jesus Cristo.

oblogdepanco.com.br com Pascom Paroquial
Foto: Cícero Fábio - Pascom