domingo, 25 de fevereiro de 2018

BR-426: Santana à Nova Olinda; Sempre em ano eleitoral se fala em Emenda e que a obra será retomada e concluida

Orçada em 12,8 milhões de reais, a obra, que na época era tocada pela construtora Radocon, precisava de mais 9 milhões, e isso dependia de uma mobilização política das lideranças dos dois municípios beneficiados diretamente pela estrada: Santana dos Garrotes e Nova Olinda. Em 2011, a obra não estava incluída no PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) e necessitava de emenda parlamentar ao orçamento federal para ser concluída. Depois de 16 anos parado, o asfaltamento da rodovia foi retomado em 2009 graças a uma emenda de 4 milhões de reais do então deputado federal  Wilson Santiago (PTB), mas essa quantia era e foi insuficiente. 

Quando estava na função pública de vereador, ainda em 2014, Rênio Macedo, que presidiu a Câmara Municipal de Santana dos Garrotes, realizou uma Audiência Pública, com o apoio dos vereadores das duas cidades interessadas, e da própria população, com o tema: “A importância da BR 426 para o desenvolvimento de Piancó/Santana dos Garrotes/Nova Olinda e região do Vale”, e também chamado de “SOS BR: 426 – Santana dos Garrotes/Nova Olinda: Abrace essa ideia”.

Em 2016, após solicitação do Deputado Federal Hugo Motta (PMDB/PB), o Senador Raimundo Lira (PMDB/PB) destinou R$ 6.000.000,00 (seis milhões de reais) para a conclusão das obras da BR-426, que liga Santana dos Garrotes à Nova Olinda, no Vale do Piancó.

Em abril de 2017, os vereadores nova-olindenses, Biu de Ramos (PSD) e Valter Gonzaga (PTB), preocupados com a paralisação da obra, se reuniram com o deputado federal Rômulo Gouveia, presidente do estadual do PSD, em sua residência, em Campina Grande, e solicitaram a inclusão de uma emenda parlamentar objetivando a construção/conclusão da BR: 426, entre Santana dos Garrotes/Nova Olinda. Na época, o deputado disse que a união da bancada de Santana dos Garrotes também era muito importante para se conseguir a Emenda. Ele garantiu que iria incluir uma emenda para a conclusão da estrada que corresponde a 8 km.

Agora em 2018, o deputado federal Efraim Filho (DEM), disse que já empenhou recursos para a retomada dos serviços da pavimentação asfáltica da BR-426, para beneficiar as populações de Santana dos Garrotes e de Nova Olinda. Só que tem um porém: As pessoas que residem nessas cidades, apesar de já ter sido inciado - mais uma vez - a topografia na estrada, falam não acreditar na realização desse serviço, que se tornou um sonho. "Sempre em ano eleitoral aparece um benfeitor com emendas para asfaltar essa estrada, e depois que passa as eleições, os serviços param e tudo continua do mesmo jeito", disse um morador da cidade de Nova Olinda.

O asfaltamento da estrada foi iniciado há mais de 16 anos, e apenas um trecho da via, entre a cidade de Piancó e o município santanense, foi construído, ou seja: durante uma década e meia, a estrada ficou parada e poderá parar novamente.

oblogdepianco.com.br