terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

Romero e Cartaxo afinam discurso para definir candidatura das oposições após o Carnaval

A afinação dos prefeitos Luciano Cartaxo e Romero Rodrigues faz afunilar o processo de definição das oposições para as eleições de outubro. Até onde o Blog pode apurar, Cartaxo e Romero aproveitaram o festivo clima carnavalesco e ajustaram as diferenças, e podem apresentar a fórmula de unidade para a disputa ao Governo do Estado, logo após o Momo.

A ideia seria não esperar pelo prazo fatal de abril para definir candidaturas. Cartaxo considera temerário esperar demais, e Romero compreende que, logo após o Carnaval, seria o momento adequado para a consolidação dessa candidatura única das oposições. Por enquanto, o senador Zé Maranhão ainda não se pronunciou sobre a estratégia e tem insistido em ser candidato em faixa própria pelo MDB.

Há várias configurações de chapa, porém a que mais avançou, nos últimos dias, teria Cartaxo como candidato a governador, e Micheline (esposa de Romero) Rodrigues de vice. Os senadores Cássio Cunha Lima e Raimundo Lira seriam os candidatos ao Senado. Mas, outra formatação não está excluída.

Helder Moura