sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Usuários reclamam que para agendarem atendimento para renovar identidade precisam pernoitar em fila para conseguirem atendimento rápido na Casa da Cidadania

Boatos de que a carteira de identidade teria um prazo de validade, tem feito a procura pela renovação do documento aumentar nos postos de atendimentos espalhados por todas as cidades. Filas extensas têm se instalado em torno desses prédios, e acreditem se quiser: Há pessoas que pernoitam pelas calçadas, para não perderem a chance de agendar o atendimento. A Casa da Cidadania de Guarabira, que fica situada no Shopping Cidade Luz, realiza o agendamento todos os dias 01 e 02 de cada mês a cada dois meses.

A dona de casa Josefa Cardoso foi uma das que madrugou pela segunda vez só este mês de dezembro, para poder pegar uma ficha de atendimento para a mãe, a aposentada Cicera Cardoso. Josefa contou que no dia primeiro de dezembro ela e o sobrinho chegaram por volta das 3h para não perder a vaga. “Mesmo tendo chegado aqui neste horário, as pessoas já tinham se aglomerado. Vinte pessoas, essa era a quantidade de pessoas que já estavam na minha frente, quando cheguei para pegar uma ficha.

Mas além de dona Josefa, outras pessoas também reclamaram que a nova forma para poder pegar ficha, está dificultando o acesso de outras pessoas que moram longe. Principalmente, após a mudança da Casa da Cidadania, que antes ficava no centro da cidade, e hoje foi transferida para o shopping Cidade Luz.

Outro problema que dificulta a emissão da cédula de identidade, é o tempo de espera para que o solicitante possa receber o RG. “No máximo, eles pedem para que você espere dois meses para vir buscar o documento”, finalizou Dona Josefa.

Por Jefferson Cavalcante/Portal Mídia