quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Mãe faz apelo ao governo para receber a insulina de seu filho diabético; Gerente Regional de Saúde explica


A senhora Geralda Bezerra, mãe de um adolescente de treze anos de idade que é diabético, ligou para um programa radiofônico local nesta terça-feira (31), e na oportunidade relatou que o seu filho está sem tomar a insulina por quatro vezes ao dia. Isso faz com ele corra até risco de vida.

Ela informou que já estava agendado para pegar a insulina do seu filho na 6ª Gerencia de Saúde de Patos, porém quando se dirigiu até lá teve a triste surpresa de que não tinha o medicamento.

Geralda disse que foi comunicada que a insulina estava em falta devido a um problema existente com o fornecedor.

Ela ainda externou que buscou ajuda em João pessoa e que foi orientada para procurar o responsável pela distribuição da insulina em Patos. Vendo mais dificuldade, Geralda entrou em contato com o diretor da 6ª Gerencia de Saúde de Patos, Leudo Farias, porém afirmou que não foi bem atendida.

Já demonstrando certo nervosismo com a situação, a dona de casa disse que os pacientes que tomam insulina precisam desse medicamento para sobreviver, e que neste momento parece que estão brincando com a vida dessas pessoas.

A insulina deve ser distribuída sem interrupção, e portanto, justifica-se a tensão da mãe de família que clama por uma ajuda para seu filho.

A reportagem do Patosonline.com fez contato com o gerente regional de saúde, José Leudo Farias, que trouxe sua versão do fato. Segundo Leudo, a história não foi bem da maneira contada pela mãe do paciente.

Saiba mais detalhes nos áudios que seguem abaixo com as duas versões dessa história:

Patosonline.com