domingo, 10 de setembro de 2017

“Nossos adversários tentam nos dividir”, diz deputado sobre pleito de 2018

O grupo de oposição ao governador Ricardo Coutinho segue insistindo na unidade para chapa no próximo ano, mas ainda não decidiu se o candidato a governador será o prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), ou o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB).

Especula-se que o parlamentar deve deixar a frente das oposições para ser o candidato do governador Ricardo Coutinho (PSB), mas, segundo Rômulo Gouveia, presidente estadual do PSD, esta é uma tentativa do chefe do Executivo tentar dividir o grupo.

– Os nossos adversários tentam nos dividir. O Antônio Souza, o vice-prefeito da capital Manoel Júnior e o próprio senador Maranhão, que tenho conversado, já disseram que continuam nas oposições no próximo ano – contou.

Ainda de acordo o deputado, o partido tem uma grande importância no protagonismo da política paraibana e por isso o governo planta as insinuações e assediam a legenda.

– O PMDB é protagonista, tem dois senadores, já governou o Estado várias vezes. O partido não pode ficar refém, mas estamos afinados e não vejo nenhuma dificuldade. Vejo os nossos adversários em tentativas, procuras ao senador, ficam insinuando apoio a candidatura de Maranhão – frisou.

As declarações repercutiram na Rádio Campina FM.