sábado, 5 de agosto de 2017

Tovar destaca projetos apresentados na área da saúde e lamenta falta de investimentos do Estado

O deputado estadual licenciado, Tovar Correia Lima (PSDB), destacou neste sábado (5), Dia Nacional da Saúde, alguns projetos de Lei de sua autoria apresentados na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) que garantem a melhoria dos atendimentos na saúde pública do Estado. O parlamentar aproveitou o dia para lamentar a falta de investimentos do Governo do Estado no setor.

“Infelizmente o paraibano não tem muito o que comemorar nesse dia. O Governo do Estado já privatizou a saúde e parece não estar muito interessado com a população que é penalizada com falta de atendimento médico, exames e principalmente, medicamentos. Hoje é um dia importante para refletirmos sobre qual a saúde que a Paraíba e os paraibanos merecem”, disse o deputado.

Na ALPB, Tovar conseguiu a aprovação do projeto que garante presença de médico socorrista, enfermeiros e pessoal devidamente capacitados, assim como uma ambulância UTI munida de equipamentos e materiais de primeiros socorros, incluindo oxigênio e desfibrilador nas corridas de rua.

“É fundamental um serviço de acompanhamento médico de qualidade e que proporcione as melhores condições e segurança para que o evento aconteça de modo que as pessoas que precisem de socorro imediato tenham condições de serem atendidas”, disse Tovar, acrescentando que essa medida salvará vidas.

Outra matéria apresentada pelo parlamentar garante teste de cariótipo para detectar doenças em recém-nascidos. O exame será feito pelas maternidades, hospitais e instituições similares da rede pública estadual.

“O projeto viabiliza assim o acesso a tais exames, mesmo que, aparentemente, o recém-nascido tenha cariótipo não afetado. É dever do Estado garantir o acesso à saúde, bem como, a todos os seus mecanismos, sejam procedimentos, exames, diagnósticos ou políticas institucionais governamentais”, afirmou o deputado.

Outra matéria destacada por Tovar é a que garante o Dia Estadual de Conscientização sobre a Esclerose Múltipla no calendário oficial de eventos da Paraíba. Ainda pouco conhecida pela população, a doença neurológica que afeta 2,5 milhões de pessoas, das quais 30 mil são brasileiras, de acordo com a Associação Brasileira de Esclerose Múltipla.

“Todo esforço e incentivo na busca de conhecimento sobre esta doença é válida para fortalecer a esperança da cura nos portadores da doença, assim como toda divulgação direcionada a sociedade, com a intenção de contribuir para a conscientização e respeito desta doença rara”, destacou Tovar.


Assessoria