sábado, 26 de agosto de 2017

Por que o governador tem colecionado tantas derrotas nos últimos tempos?

    Existe algo de novo no ar, na relação de setores da sociedade com o governador Ricardo Coutinho, seja porque já é perceptível sua curva decadente com a proximidade do fim de seu mandato, seja pela fadiga do cansaço com seu estilo. Um dos sintomas se expressa na quantidade de reveses que o governador tem experimentado nos últimos dias.

    Só para lembrar alguns deles. Teve R$ 39 milhões do Estado sequestrados, por iniciativa do Tribunal de Justiça, diante do atraso contumaz nos repasses dos precatórios. Como tem sido hábito também na redução dos repasses do duodécimo para a Assembleia, Tribunal de Contas, Defensoria Publica, Ministério Público e também ao próprio TJ.

    Dois: no caso do pessoal do antigo Ipep IASS), por exemplo, o governador sofreu uma derrota amarga, quando o desembargador José Ricardo Porto manteve a decisão do juiz Gutemberg Cardoso, que sentenciou o Governo a pagar os salários integrais dos servidores. Ricardo Porto entendeu que uma re