sexta-feira, 25 de agosto de 2017

MPF é acionado contra ex-prefeita por obra inacabada com gastos de R$ 688 mil


MPF é acionado contra ex-prefeita por obra inacabada com gastos de R$ 688 milA Prefeitura Municipal de Conde formalizou junto ao Ministério Público Federal uma representação contra a ex-prefeita do município, Tatiana Correa, pela obra inacabada da Nova Escola Noêmia Alves.

De acordo com o documento, além da obra estar paralisada, não foi possível mensurar exatamente a porcentagem de execução da mesma devido a falta de documentos técnicos, que estão em poder da Polícia Federal.

A referida obra teve início no ano de 2014 e teria data prevista para finalização em janeiro de 2017, mas até o momento estima-se que apenas 27,05% foram realizados, com empenhos e pagamentos de aproximadamente R$ 688.313,80, segundo a prefeitura.

Para a prefeita Márcia Lucena, através da representação, a prefeitura pretende conseguir meios de destravar a obra.

“É inadmissível ter uma obra dessa parada sem contemplar os estudantes por conta de uma gestão que não tinha compromisso com o dinheiro público. Então nós entramos com essa representação visando que o Ministério Público Federal possa nos ajudar a conseguir essas respostas e o consequente destrave da obra para que possamos concluí-la” disse.


wscom