sábado, 12 de agosto de 2017

AESA alerta para o colapso de água em algumas cidades do Sertão

Em recente visita a técnicos da AESA - Agência Executiva de Gestão das Águas, em João Pessoa, a Redação de OBlogdePianco pode constatar nas informações de técnicos dessa agência de águas, que a situação para algumas cidades do Sertão, a exemplo de Piancó, é preocupante. Com o açude Curemas/Mãe Dágua sem o acumulo de água necessário para manter o fornecimento do líquido tratado aos moradores clientes da CAGEPA, a população dessas cidades estão bastante preocupadas com o que vem por ai.

A CAGEPA ainda não informou, oficialmente, sobre o desabastecimento, conforme noticiou alguns órgãos de imprensa.

Denuncia
Algumas pessoas, sem a Outorga da AESA, vem perfurando Poços pelas ruas da cidade de Piancó, e "estão vendendo a água", o que caracteriza crime, pois só quem pode explorar a venda de água é a CAGEPA. Com a falta dágua vários Poços foram perfurados na cidade sem a prévia autorização da AESA, o que pode vir a custar caro para quem agiu dessa forma. Até o Município fez a perfuração de poços em vários pontos da cidade, o que pode causar sérios danos a saúde da população, visto que há a necessidade de se verificar se a água está sendo captada de um local sem resquícios de  quantidade de poluição nela presente. Uma água poluída é aquela que apresenta alterações na cor, no sabor e no cheiro, todavia, nem sempre ela provoca doenças.

Outorga
A Outorga para captação de água superficial é um instrumento pelo qual o Poder Público assegura legalmente o direito de uso das águas superficiais disponíveis, garantindo o direito de captar a quantidade de água necessária para um empreendimento por determinado tempo, finalidade e condição expressa no respectivo ato, evitando multas e sansões.

A fiscalização constitui-se em um dos mais importantes instrumentos de gestão, que pode ser definida como uma atividade de controle e monitoramento dos usos dos recursos hídricos. A principal finalidade da fiscalização é garantir os usos múltiplos previstos para a água.

Prefeitura de Piancó
O prefeito Daniel Galdino disse a nossa Reportagem que o Município vem fazendo cumprir o seu papel e luta incansavelmente pela instalação de uma Adutora (já garantida seus recursos) para que a população não sofra com desabastecimento. E, segundo ainda o prefeito, mesmo sem a ajuda do governo estadual, a prefeitura de Piancó fará uso de carros-pipa e outros meios para garantir o fornecimento de água a todos o moradores da cidade.