sábado, 27 de maio de 2017

Vereadora é agredida durante sessão em Câmara

(Foto: Imagem compartilhada no WhatsApp)
A vereadora Marleide Quintino (PSD) foi agredida durante sessão da Câmara Municipal de Salgado de São Félix, nessa sexta-feira (26). O quebra-quebra começou quando os vereadores de oposição, entre eles a parlamentar agredida, reforçavam as denúncias de irregularidades cometidas pela atual administração da cidade, principalmente casos de nepotismo e de funcionários fantasmas.

Nessa hora, de acordo com o Boletim de Ocorrência feito pela vereadora, o vereador Mario Romero (PSB), junto com o irmão e dois filhos, partiu para agredir o marido de Marleide Quintino, que tentou conter a situação e acabou sendo agredida por um dos filhos do colega de parlamento.

“O nosso trabalho é fiscalizar a gestão pública e os vereadores de situação não admitem que façamos isso. Eu e mais dois colegas da oposição já estávamos sendo ameaçados nas ruas e ontem eles cumpriram com as ameaças e nos agrediram. Essa situação não pode permanecer assim, tenho medo que a próxima ameaça seja de morte”, disse Marleide.

Além do BO, a vereadora também fez exame de corpo de delito para comprovar as agressões sofridas durante a sessão na Câmara Municipal. “Ainda pedi que o presidente da Câmara chamasse a polícia, mas infelizmente nada foi feito”, lamentou a vereadora.

De acordo com o Boletim de Ocorrência, o marido da vereadora Adriana Suênia também foi agredido pelo vereador Mario Romero, o irmão e os filhos.

Diante da grave situação os vereadores de oposição estão fazendo um apelo às autoridades estaduais uma vez que não se sentem seguros com o policiamento local. Por conta da fragilidade policial da região, os parlamentares prestaram queixa também na Central de Polícia, em João Pessoa.
 
Portal Correio