quinta-feira, 25 de maio de 2017

Presença de Célio Alves em eventos leva professores denunciarem


Presença de Célio Alves em eventos leva professores denunciarem

 blog de Helder Moura

O Blog registra uma nota enviada por professores em Guarabira, questionando o que chamam de “utilização das escolas públicas estaduais como palanque eleitoral”, para o ex-secretário-executivo Célio Alves (Comunicação). Segundo a nota, “as escolas de Guarabira e municípios vizinhos sendo utilizadas de palanque eleitoral para o pré-candidato a deputado estadual Célio Alves”.
 
O Blog registra uma nota enviada por professores em Guarabira, questionando o que chamam de “utilização das escolas públicas estaduais como palanque eleitoral”, para o ex-secretário-executivo Célio Alves (Comunicação). Segundo a nota, “as escolas de Guarabira e municípios vizinhos sendo utilizadas de palanque eleitoral para o pré-candidato a deputado estadual Célio Alves”.

Diz mais: “O pior é que tudo acontece com total apoio e articulação da Gerente Regional de Educação de Guarabira, dando suporte inclusive com contratados que são obrigados  a pedir votos e participar de reunião na casa de ex-vereador Beto Meireles, cujo filho é atualmente vereador. Enquanto Célio Alves faz suas palestras, os contratados com medo de perder seus empregos, são forçados a pedir votos de forma discreta.”

Mais: “A própria sede da Regional se tornou um QG para eleição de Célio Alves, na verdade, esse foi o único motivo da substituição da antiga Gerente Márcia Amaral, por Silvana Rodrigues. A antiga gerente não permitia esse desserviço com a educação e acabou pagando caro, perdendo o emprego e sendo perseguida por Célio e seus correligionários.”

Segue: “O que uma pessoa que nada entende de educação e respeito com as mulheres (espancador de mulheres e inclusive uma delas menor de 16 anos) faz palestrando não apenas em uma, mas em cinco escolas até o momento? Escola Monsenhor Emiliano de Cristo, Escola Gustavo Amorim, Escola John Kennedy, Escola Pedro Bandeira e Escola José Soares de Carvalho.”

E arremata: “A última inclusive, já vem sendo alvo de investigação do Ministério Público após denúncias e foi visitada pelo deputado estadual Ranieri Paulino, que constatou uma série de irregularidades, devido à interferência de Célio Alves e a incompetência da Regional de Guarabira… Não respeitaram nem o Dia das Mães”.

As imagens podem ser constadas nas páginas das escolas