domingo, 12 de fevereiro de 2017

Rômulo afirma que prioridade do PSD é a união das oposições e que nome de Cartaxo vai para a mesa


O deputado estadual e presidente do PSD da Paraíba, Rômulo Gouveia, afirmou que a prioridade do partido para 2018 é a união da chamada ‘frente das oposições’. Rômulo garantiu que o nome de Luciano Cartaxo, fortalecido com o resultado das últimas eleições, seguirá para avaliação da cúpula, como vão os de outras lideranças, a exemplo de José Maranhão (PMDB), Cássio Cunha Lima (PSDB) e Romero Rodrigues (PSDB).

“Quando você mantém um grupo unido, não pode ter um nome. Esse nome precisa ser consensual. Vai ser aquele que se sair melhor”, disse Rômulo Gouveia.

Ainda de acordo com o deputado, o prefeito Luciano Cartaxo está muito precavido em relação a isso e só tratará de eleições em 2018. “Cartaxo tem uma preocupação enorme com a administração. Ele foi o primeiro prefeito do Brasil a anunciar o pagamento da folha de fevereiro, que será antecipado. Isso acontece enquanto governos estaduais e prefeituras estão em dificuldades. Luciano está muito focado na gestão e compreende que este não é o momento de discutir política, mas de trabalhar”, disse.

Além de Cartaxo, Rômulo destacou os nomes de Buega Gadelha e Lucélio Cartaxo como opções do partido para a chapa majoritária e disse que uma possível canditura de Cartaxo deverá ter o aval dos partidos da oposição. “Em política ninguém é candidato de si mesmo. Luciano, se for candidato sozinho, terá um papel importante, mas se ele tiver o apoio de toda a oposição, será extremamente importante”, disse.

Com Blog do Gordinho